BAGÉ WEATHER
Cinema

Os acertos de Os segredos de Dumbledore

Foto: Reprodução FS

Nos cinemas de todo o país, está em cartaz o terceiro Animais Fantásticos, mais um reencontro com o mundo bruxo da autora de Harry Potter. Os segredos de Dumbledore é ainda mais especial para os brasileiros. Isso porque o filme conta, no elenco, com a atriz Maria Fernanda Cândido. Ela interpreta uma bruxa brasileira, Vicência Santos, ministra da magia do país e candidata a chefe suprema da confederação dos bruxos.

É verdade que Maria Fernanda tem apenas uma fala em todo o filme, mas a beleza e a postura da atriz são marcantes. O personagem, em si, desperta interesse e tem certa importância para a trama. É importante mencionar que não há como não se emocionar com o desfecho da personagem: ao Brasil foi dada importância na rica história do mundo bruxo.

Vale dizer que o filme é um verdadeiro presente para os fãs, sobretudo para aqueles que se decepcionaram com o antecessor, Os Crimes de Grindelwald. E isso porque ele é mais simples, mais mágico. Tudo começa pela acertada mudança do ator que dá vida ao vilão. Mads Mikkelsen entregou um Gellert Grindelwald muito mais fascinante do que o caricato vilão construído por Johnny Depp nos dois filmes anteriores. E isso fica evidente quando ele fica cara a cara com o Albus Dumbledore de Jude Law, em uma cena que evidencia a relação de amor e manipulação dos dois (sim, Dumbledore viveu um relacionamento abusivo). 

Outro acerto dessa nova produção é a retomada da importância das criaturas mágicas para a história - afinal, a saga ainda leva o nome de Animais Fantásticos - e não apenas como um alívio cômico, como ocorreu no segundo filme, Os Crimes de Grindelwald. A relação do personagem principal dessa nova leva de filmes, Newt Scamander, com os animais volta a emocionar o espectador e isso ocorre já na primeiríssima cena. Afinal, há uma justificativa para que Newt tenha se tornado um dos personagens mais amados do mundo bruxo: ele é encantador, admirável. E a atuação de Eddie Redmayne é a cereja do bolo de Os segredos de Dumbledore (menção honrosa para a divertida cena de resgate de Teseu Scamander).


O que todos queriam ver

Os segredos de Dumbledore também presenteou os fãs com um Jacob Kowalski corajoso, igualmente divertido, e que, mais uma vez, rouba a cena. Ele até tentou resistir, mas mais uma vez optou pelo que era certo e não fácil e voltou a estar ao lado de Newt - e agora de Dumbledore - na empreitada de impedir que Gellert Grindelwald obtivesse êxito em sua busca pelo poder. Menção a uma das cenas mais bonitas do filme: o reencontro "real" e olho no olho de Queenie e Jacob, o casal mais querido dessa nova saga e tão injustiçado no segundo filme. 


Importantes desfechos

Nem só de acertos vive uma saga. Nem Harry Potter é perfeita! Mas Os Crimes de Grindelwald havia, de fato, complicado a situação de Animais Fantásticos ao introduzir histórias que simplesmente não faziam sentido ao considerar o universo já apresentado nos sete livros e nos oito filmes de Harry Potter. Não é possível afirmar que Os segredos de Dumbledore consertou tudo, porém, quase tudo fez sentido, e de forma bastante simples. Algumas teorias amplamente discutidas pelas fãs foram confirmadas - o que foi bastante satisfatório - e outros desfechos "amoleceram" até o mais "cri cri" dos potterheads (como são chamados os fãs do mundo bruxo). 

Não há grandes surpresas em Os segredos de Dumbledore, mas também não é possível afirmar que a história é óbvia. Desta vez, os responsáveis optaram pelo mais simples, e há beleza e sucesso na simplicidade. Menção honrosa também para momentos bem nostálgicos, com a sala precisa, o pomo de ouro, o espelho usado por Aberforth Dumbledore para se "comunicar" com Harry Potter e, ainda, o Cabeça de Javali, bar do irmão de Albus. Por fim, é importante dizer que as últimas cenas do filme enchem o coração dos fãs ao ser possível identificar a mensagem que é a essência de Harry Potter: o amor é mesmo a magia mais poderosa. 


Imagens

ULTIMAS NOTÍCIAS

Missão

Ser o veículo de integração da comunidade, contribuindo para o seu desenvolvimento com informação precisa, responsável e imparcial.

+55 (53) 3242-1020 | R Ismael Soares 263 -
Centro | CEP: 96400-390 | BAGÉ | RS | BRASIL

jornalfolhadosul@jornalfolhadosul.com.br